Capa da primeira edição de 1969. Arte de Jeff Jones.

Gardner F. Fox foi um importante roteirista de quadrinhos da era de ouro e prata dos quadrinhos, ele criou alguns personagens clássicos como Flash e Gavião Negro, assim como a Sociedade da Justiça (que depois deu origem à Liga da Justiça). Quando passou pelo Batman, introduziu alguns elementos como o…

Capa de 1977 com arte do inigualável Boris Vallejo.

Philip José Farmer foi um escritor estadunidense de ficção científica agraciado com vários prêmios Hugo e Nebula. Sua produção foi extensa, com diversos livros traduzidos para o português, sendo um autor que conquistou uma parcela de fãs no Brasil ainda que esteja esquecido pelas editoras. O Apêndice N recomenda toda…

Capa do Livro do Mestre do AD&D 1a edição de 1979. Não chegou a ser lançado no Brasil.

Para explicar o que é o Apêndice N, é preciso voltar às origens do jogo. Publicado em 1974, o primeiro RPG Dungeons and Dragons era voltado inicialmente para jogadores de wargame mas aproveitava também a onda de interesse pelo gênero de fantasia trazida pelo lançamento das edições econômicas de O…

Edição de 1977 — arte de Greg Hildebrandt e Tim Hildebrandt.

Jack Vance foi um renomado autor de fantasia, ficção científica e mistério e em sua longa carreira recebeu vários prêmios Hugo e Nebula. No campo da fantasia, ele escreveu duas séries de livros: Lyonesse, ambientada em um arquipélago místico na costa da França medieval, e Dying Earth, situada num futuro…

Roger Zalazny foi um autor de fantasia e ficção científica vencedor de três prêmios Hugo e seis Nebula. Sua obra principal, As crônicas de Âmbar conquistou uma legião de fãs, foi adaptada para os quadrinhos e virou um RPG cult. Quando o autor morreu em 1995, George R. R. …

Capa da primeira edição de 1981, arte de Ken Kelly.

“Eu parto… mas deixo um guerreiro para trás.” — Katisa

Movido pela raiva de como a África e os negros eram representados na fantasia e ficção científica dos anos 1970, Charles R. Saunders criou Nyumbani, sua própria versão do continente africano. O escritor estadunidense é responsável pelo Sword and Soul, um sub-genero do Sword and Sorcery, sendo portanto também um…

Capa de 1975, ensinando aos oficiais romanos como se faz. Arte de Darrell K. Sweet.

L. Sprague de Camp foi um autor estadunidense com uma produção extensa, escrevendo mais de 100 livros, sendo diversos de ficção científica e fantasia. Ele foi especialmente importante para nós por resgatar o personagem Conan ao reeditar os contos de Robert E. Howard nos anos 1960 em formato pocket, completando…

Capa de 1958

Fredric Brown foi um escritor de ficção científica e mistério (passando por histórias de terror e fantasia). Como não existe sugestão de livros específicos no Apêndice N, escolhi o livro Honeymoon in Hell (Lua de mel no inferno), pois ele contém o conto Arena que inspirou aquele episódio clássico de…

Capa de 1978, ilustrada por Carl Ludgern.

John Bellairs escreveu sua obra principal depois de ler O Senhor dos anéis, meio como uma homenagem e uma tentativa de criar sua própria história de fantasia. Porém, tirando a presença de magos poderosos, The Face in the Frost (O rosto no frio, numa tradução livre) situa-se bem distante da…

d12 de Assis

Um espaço para falar de RPG e Literatura, principalmente sobre os livros presentes no saudoso Apêndice N, lista de livros recomendados por Gygax no AD&D.

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store